Mulher é encontrada morta dentro de cisterna em São José do Campestre, RN

POLÍCIA
21/08/2019

Cisterna fica nos fundos da casa  — Foto: PMRN

Uma agricultora de 44 anos foi encontrado morta, na manhã desta quarta-feira (21), dentro de uma cisterna em São José do Campestre, na região Agreste potiguar. A Polícia Militar suspeita que Maria do Socorro Rodrigues Vieira caiu acidentalmente dentro do reservatório d'água.

Comandante da PM na cidade, o sargento Marconi Targino contou ao G1 que falou com o marido da vítima. "Ele disse que acordou por volta das 5h e sentiu falta da esposa. Então ele foi até o quintal de casa e encontrou a mulher dentro da cisterna, que estava aberta. Havia um balde dentro. Ele acredita que ela se debruçou para pegar o balde e acabou se desequilibrando. A cisterna não tá cheia. É coisa de um metro e meio até chegar na água", relatou o policial.

A Polícia Civil e o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foram chamados para a remoção do corpo e abertura de investigação.

Pesquisa da UFRN testa produto à base de casca de maracujá contra a pressão alta

MAIS+
21/08/2019

Produto feito a base da casca de maracujá é testado contra hipertensão na UFRN — Foto: Cedida

Um estudo clínico do curso de Farmácia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) investiga a eficácia de um produto feito a partir da casca do maracujá no tratamento contra a pressão alta. Em uma das fases da pesquisa, ratos hipertensos tiveram diminuição da pressão arterial e até melhora na função vascular. Agora, os pesquisadores convocam pessoas interessadas em participar como voluntárias nos testes em humanos.

Muito usada em dietas de emagrecimento e para diminuição dos níveis de colesterol, a farinha da casca de maracujá é facilmente encontrada em feiras livres e em lojas de produtos naturais, mas sua utilização não é amparada cientificamente. Segundo as pesquisadoras, a proposta do estudo é justamente buscar a comprovação da eficácia e segurança de um produto obtido a partir dela.

“O diferencial desse estudo é que foi preparado um extrato da casca, não é apenas a planta seca e moída, vendida na forma de pó. Foram extraídos os metabólitos responsáveis pelo efeito terapêutico, é um extrato concentrado. Por isso, ao contrário do que o mercado oferece atualmente, a ideia é produzir um fitoterápico (medicamento) de fato”, explica a professora Silvana Zucolotto, coordenadora da pesquisa.

Os estudos fazem parte do doutorado da aluna Bárbara Cabral, do Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas e acontecem no Hospital Universitário Onofre Lopes (Huol), onde, sob orientação médica do cardiologista Dr. Fábio Mastrocola, os pacientes voluntários serão submetidos a uma série de exames, todos realizados gratuitamente. Para tanto, eles devem ter algumas características: hipertensão leve, não serem usuários de medicamento, além de estarem na faixa etária dos 18 aos 60 anos.

Pesquisadoras da UFRN testam produto a base de casca de maracujá em tratamento contra a pressão alta — Foto: Cedida

De acordo com Bárbara Cabral, todos os procedimentos foram seguidos para que a sua pesquisa chegasse a atual etapa de desenvolvimento no Grupo de Produtos Naturais Bioativos, o PNBio.

“Estudos realizados nas fases preliminares da pesquisa apresentaram diminuição da pressão arterial e melhora na função vascular em ratos hipertensos. Além da eficácia, também testamos a segurança e os resultados foram positivos. Não foram encontradas alterações em órgãos, nem nos padrões bioquímicos e hematológicos”, relata a pesquisadora.

As pesquisadoras ressaltam ainda a importância dos voluntários não estarem usando medicamentos. Interessados em colaborar com a pesquisa como voluntários devem entrar em contato pelos telefones (84) 981160002 e (84) 999851187.

Polícia prende mais um suspeito de matar professora no interior do RN

MAIS+
21/08/2019

Policiais civis da Delegacia Municipal de Pedro Velho, em conjunto com policiais militares, prenderam, nessa terça-feira (20), Daniel Narciso do Santos, 19 anos, na cidade de Pedro Velho. Ele é suspeito de ser um dos autores do latrocínio praticado contra a professora Ana Télia. O crime ocorreu no dia 29 de julho deste ano, na zona rural do município.

No dia do crime, a vítima estava em sua residência, quando três homens e um adolescente invadiram a casa. De acordo com as investigações, os homens começaram a recolher os objetos dos moradores e um deles apontou a arma de fogo, pedindo dinheiro. No momento da ação, a professora foi atingida por um disparo. O marido de Ana Télia também foi baleado, mas foi socorrido no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal.

Na última sexta-feira (16), policiais civis realizaram a prisão de Jonas Alves de Souza e a apreensão de um adolescente suspeitos de envolvimento na morte da professora. A Polícia Civil solicita a ajuda da população no envio de informações para localizar o quarto envolvido no crime, identificado como Willian de Moura Costa, conhecido como “Dinho”, 28 anos. Informações podem ser enviadas de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Sargento do Exército é baleado em assalto no Alecrim

POLÍCIA
21/08/2019

Um sargento da reserva do Exército foi baleado nessa terça-feira (20) em um assalto a uma padaria no bairro do Alecrim, na zona Leste de Natal. Ele foi atingido no rosto e na perna.

Câmeras de segurança registraram o momento do crime. Dois suspeitos chegaram ao local, anunciaram o assalto e começaram a recolher os pertences dos clientes.

O militar foi revistado e, em seguida, sacou a arma para reagir. Um dos criminosos conseguiu abortar a ação. Os dois entraram em luta corporal. Depois, o segundo criminoso atirou no sargento.

Apesar de ferido, a vítima foi socorrida com consciência ao Hospital Walfredo Gurgel. Os bandidos levaram o dinheiro da padaria e pertences das pessoas que estavam no local.

 

Bebês com menos de um ano devem receber vacina extra contra o sarampo

Saúde
21/08/2019

  

O Ministério da Saúde passou a recomendar a vacinação contra o sarampo em crianças com idade entre 6 meses e 11 meses e 29 dias para combater a disseminação do vírus no país. Nessa faixa etária, segundo a pasta, será ofertada uma dose complementar, chamada de dose zero, como já acontece em campanhas como a de combate à poliomielite. A orientação foi apresentada nessa terça-feira (20) em entrevista coletiva na sede do órgão, em Brasília.

Entre 19 de maio e 10 de agosto deste ano, foram confirmados 1.680 casos de sarampo no Brasil, além de 7,5 mil casos em investigação. No período, de acordo com o ministério, não houve mortes confirmadas decorrentes da enfermidade.

Após um surto envolvendo estados da Região Norte no início do ano, um novo surto foi registrado no estado de São Paulo, que concentra, atualmente, 1.662 casos em 74 municípios – 98,5% do total de casos. Em seguida aparecem Rio de Janeiro, com seis casos, e Pernambuco, com quatro. Com um caso estão Goiás, Paraná, Maranhão, Rio Grande do Norte, Espírito Santo, Bahia, Sergipe e Piauí.

A recomendação da vacinação adicional de crianças com idade entre 6 meses e 11 meses e 29 dias se deve ao fato deste ser o público com maior potencial de contágio. O coeficiente de incidência em bebês de até 1 ano é de 38,28 casos para cada grupo de 100 mil, enquanto a média de todas as faixas etárias ficou em 4,12. Normalmente, a imunização acontece por meio de duas doses, aos 12 meses e aos 15 meses de vida.

“Temos observado uma incidência elevada em menores de 1 ano. É fundamental estabelecermos estratégia diferenciada para essa faixa etária, olhar para as crianças menores de 1 ano com especial atenção”, declarou o secretário de vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira.

Jovens adultos
Além dos bebês, outro público que preocupa o ministério é o de jovens adultos. A pasta destacou a necessidade de pessoas de 20 a 29 anos regularizarem a vacinação contra o sarampo – o grupo tem coeficiente de incidência de 9 casos para cada grupo de 100 mil, mais que o dobro da média nacional. A orientação vale especialmente para São Paulo, estado com muitos casos e alta densidade populacional.

De acordo com o ministério, pela rotina de imunização estabelecida, pessoas com até 29 anos devem já ter recebido duas doses contra o sarampo. Já quem tem entre 30 e 49 anos deve ter tomado pelo menos uma dose. O secretário ponderou, contudo, que não há necessidade de corrida aos postos de saúde e que a regularização pode ser feita tranquilamente.

Difícil controle
Questionado sobre as razões da propagação do sarampo no país, Oliveira argumentou que a natureza do vírus e de sua transmissão dificultam o controle, especialmente com um surto em uma região como o estado de São Paulo.

“O sarampo é doença de transmissão respiratória. É rastilho de pólvora. Para cada caso, podemos ter 18 pessoas infectadas. É extremamente complexa a contenção da situação viral, principalmente num estado com a densidade demográfica que São Paulo tem”, disse. Entre os principais obstáculos, segundo ele, estão a falta de imunização em adultos jovens e a dificuldade de conscientização desse público.

Estoque
O secretário relatou que já foram disponibilizadas 7,5 milhões de doses da vacina para o estado de São Paulo, além do apoio a campanhas de comunicação para sensibilizar os públicos mais afetados pelo vírus. Ele acrescentou que as vacinas adicionais para bebês devem totalizar cerca de 1,6 milhões de doses e que os estados estão abastecidos, mas que o governo está buscando um estoque complementar com fornecedores externos.

O representante do ministério apontou como problema a atuação de movimentos antivacina que, segundo ele, se alimentam de desinformação e notícias falsas para recusar a imunização necessária. O ministério disponibilizou uma seção em seu site para desmentir notícias falsas e oferecer outras informações.

Advogado acusado de planejar morte de radialista no Seridó potiguar vai a júri popular nesta quarta (21)

POLÍCIA
21/08/2019

Advogado Rivaldo Dantas de Farias foi preso no mês passado, em operação do MP — Foto: Rosivan Amaral

Está previsto para começar às 8h desta quarta-feira (21), em Natal, o júri popular do advogado Rivaldo Dantas de Farias, um dos quatro acusados de planejar a morte do radialista Francisco Gomes de Medeiros, o F. Gomes, assassinado a tiros em 18 de outubro de 2010 na cidade de Caicó, na região Seridó potiguar. O julgamento acontece no Fórum Miguel Seabra Fagundes, no bairro de Lagoa Nova, Zona Sul da capital potiguar.

Rivaldo, que aguardava o julgamento em liberdade, foi preso preventivamente no mês passado em uma operação realizada pelo Ministério Público. O mandado foi expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Natal, atendendo pedido da 15ª Promotoria de Justiça. O advogado responde pelo crime de homicídio triplamente qualificado: motivo fútil, emboscada e morte mediante promessa de recompensa.

O motivo do pedido de prisão feito pelo MP foi para que o réu não atrapalhasse o andamento do processo. Por ser advogado, Rivaldo ficou detido no Comando Geral da Polícia Militar, em Natal.

 

 

Radialista F. Gomes foi morto em 2010, em Caicó — Foto: Paulo Júnior/Cedida

O assassinato

 

F. Gomes tinha 46 anos e trabalhava na rádio Caicó AM. O radialista foi assassinado na calçada de casa, na noite de 18 de outubro de 2010, com três tiros de revólver. Vizinhos ainda o socorreram ao Hospital Regional de Caicó, mas o radialista não resistiu aos ferimentos, deixando mulher e três filhos.

 

Condenados

 

Segundo o Ministério Público, a morte de F. Gomes foi encomendada por um 'consórcio' de pessoas que se uniram contra ele. Inicialmente, foram denunciados o mototaxista João Francisco dos Santos, mais conhecido como 'Dão', o comerciante Lailson Lopes, o ex-pastor Gilson Neudo, o advogado Rivaldo Dantas de Farias, o tenente-coronel da PM Marcos Antônio de Jesus Moreira e o soldado da PM Evandro Medeiros. Estes dois últimos, porém, não foram pronunciados e, consequentemente, acabaram excluídos do processo.

O mototaxista João Francisco dos Santos, mais conhecido como 'Dão', admitiu ter puxado o gatilho. Como autor material do crime, ele foi condenado a 27 anos de prisão em regime fechado. O julgamento aconteceu no dia 6 de agosto de 2013. A defesa dele recorreu da decisão e o Tribunal de Justiça reduziu a pena para 21 anos.

No dia 16 de abril de 2019, um júri popular também condenou o ex-pastor evangélico Gilson Neudo Soares do Amaral e o comerciante Lailson Lopes, o ‘Gordo da Rodoviária'. Ambos pegaram 14 anos de prisão por homicídio duplamento qualificado.

Projeto do deputado Kelps Lima é se eleger prefeito de Natal e fazer 4 cadeiras na Câmara de Vereadores

MAIS+
21/08/2019

O deputado Kelps Lima, presidente do Solidariedade, reuniu cerca de 40 pré-candidatos a vereador de Natal nesta terça-feira.

O encontro aconteceu na sede da AABB.

O partido que terá Kelps como candidato a prefeito de Natal, quer eleger 4 vereadores na capital.

 

Fátima Bezerra e colegas governadores pedem pressa ao STF para julgar processo que pode quitar dívidas com estados

POLÍTICA
21/08/2019

Acompanhada de colegas governadores do Nordeste, a governadora Fátima Bezerra foi ao STF levar um pleito da categoria: pedir pressa no julgamento para quitação de dívidas do Fundef com os estados.

Fecomércio assina parceria com Instituto Campus Party para promover inclusão digital de alunos do Sesc

MAIS+
20/08/2019

O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Fernandes de Queiroz, assinou, na manhã do sábado, 17, na Escola Sesc Potilândia, em Natal, um convênio que irá beneficiar cerca de 300 jovens, com idades entre 10 e 18 anos, por meio da transformação social com a utilização da tecnologia e inovação. Trata-se do Projeto Include, idealizado pelo Instituto Campus Party e que conta com suporte da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, por meio do Instituto Metrópole Digital, e da Cooperativa de Crédito Sicoob/CredSuper.

Na prática, os jovens, alunos do Sesc e selecionados na comunidade, terão aulas de computação, robótica educacional, programação, segurança de rede, games e realidade aumentada, entre outras. “Nosso foco é dar acesso a estes jovens, de forma gratuita, ao mundo da tecnologia, de maneira democrática e inclusiva. Isso terá grandes impactos na formação deles, além de elevar bastante as chances de inserção no mercado de trabalho”, afirmou Queiroz.

As inscrições encontram-se abertas, e para participar é necessário acessar o site institutocampusparty.org.br/inscricao. A escola do Sesc Potilândia foi o local escolhido para a implantação do projeto em Nova Descoberta. A ideia central é identificar talentos nas localidades menos favorecidas socialmente e criar condições para que os jovens possam desenvolver suas habilidades em tecnologia.

Em sua primeira etapa, que terá duração de 24 meses, o projeto possibilitará a formação de aproximadamente 300 jovens. O espaço onde funcionará o laboratório tecnológico foi totalmente reformado para a realização das aulas. “A parceria é tão exitosa que eles modificaram o projeto para incluir o Sesc, e nossa ideia é estendermos a iniciativa para outras localidades do estado, como também vermos a possibilidade de ser abraçado nacionalmente pelo Sesc”, destaca Marcelo Queiroz.

A solenidade de assinatura da parceria contou com as presenças do Diretor Nacional do Sesc, Carlos Artexes; do prefeito de Natal, Álvaro Dias; do presidente do Instituto Campus Party, Francesco Farruggia; além do reitor da UFRN, José Daniel Diniz; do diretor da Siccob/CredSuper, Manoel Santa Rosa Macedo; do secretário de Desenvolvimento Econômico do RN, Jaime Calado, que representou a governadora Fátima Bezerra; e da ex-reitora da UFRN, Ângela Paiva, que foi a precursora dos entendimentos em torno da parceria.

“Hoje é um dia muito importante, porque cada vez nós inauguramos um laboratório como este, sabemos que a partir deste dia vamos mudar a vida dos jovens que terão aulas aqui. Essa garotada vai ver o que é uma impressora 3D, vai poder manuseá-la, vai ver o que é um drone, vai aprender a dirigir um drone. São coisas que normalmente eles não teriam acesso e aqui vão ter esta oportunidade. Vamos também identificar crianças e adolescentes com altos níveis de QI e a partir disso desenvolver suas habilidades. Por isso agradeço ao Sistema Fecomércio RN, ao Sesc, pela parceria, para que possamos promover isso.

A escola Sesc Potilândia atende aproximadamente 604 alunos, distribuídos nas modalidades de educação Básica Infantil, Fundamental e Educação de Jovens e adultos (EJA). São oferecidas aulas de inglês, música, arte e informática, tudo isso em uma estrutura que conta com biblioteca, ginásio poliesportivo, comedoria, parque aquático e sala de informática.

 

Campus Party

 

Antes da solenidade no Sesc Potilândia, atendendo a convite do presidente do Instituto Campus Party, Francesco Farruggia, o presidente Marcelo Queiroz fez uma visita à Campus Party Natal 2019, que aconteceu até este domingo, 18, no Centro de Convenções de Natal.
Queiroz foi apresentado à estrutura e a alguns dos participantes do evento, que é um dos maiores e mais festejados do meio acadêmico mundial.

No espaço, com foco na troca de informações, conhecimento, negócios e inovação, circularam cerca de 65 mil pessoas que, entre outras coisas, participaram dos mais de 45 workshops e 141 conferências. “É impressionante. É um espaço democrático, aberto e totalmente alinhado com as visões modernas de mercado, conhecimento, gestão e inovação. É um mundo arrebatador e fascinante”, afirmou Queiroz.

🔊 Projeto de alunos do RN será exposto em evento científico na Indonésia

SOCIAL
20/08/2019

Estudantes da escola estadual Sérvulo Pereira de Araújo, localizada no município de Bodó, no Seridó Potiguar, desenvolveram um projeto que foi destaque de criatividade e inovação na Mostra Internacional de Ciências da Escola Estadual Juscelino Kubitschek (Mocicult), que aconteceu em Assu, e ficaram em primeiro lugar geral do evento. O desempenho rendeu a conquista de uma credencial para a Istec (sigla em inglês para Exposição de Ciência da Indonésia), que acontece em outubro, na cidade da Bali, capital do país.

O projeto “Sistema de captação de água de poços artesiano em áreas de assentamento do município de Bodó-RN” foi desenvolvido em 2017 e já participou de diversas feiras científicas, dentre elas, a Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), onde ganhou o 4° melhor projeto em ciências agrárias do Brasil.

O projeto foi realizado na comunidade da Jatuarana, em Bodó, e consiste na criação de um “balde de pressão”. Esse equipamento foi criado para retirar água de poços artesianos em locais onde não há energia elétrica. De acordo com o professor orientador, no levantamento de 2018, o projeto beneficiava mais de 200 pessoas. Desde então, foi expandido para outras comunidades.

Alex Rosendo, Alzira Jeovania e Emmanoel Augusto Pereira são os estudantes que participam do projeto desenvolvido na escola. A aluna Alzira Jeovania considera o projeto importante pois consegue, além de contribuir na formação dos alunos, beneficiar a população. “Me sinto bastante feliz em participar de um projeto que veio para ajudar a nossa cidade, nossas famílias e pessoas que não têm condições de comprar uma bomba elétrica”, enfatiza.

Além deles, quem participa também é o professor orientador do projeto, Isaac Carvalho. Formado em história, ele é docente da disciplina indicação científica e filosofia. De acordo com o professor, que está no projeto desde início, o trabalho dos alunos é motivo de orgulho. “É uma alegria imensurável, eu acompanhei cada passo e cada conquista é um sentimento inexplicável. Um dos meus maiores orgulhos profissionais”.

Além da credencial da Indonésia, o projeto também ganhou uma credencial para a Infomatrix, evento que acontece em Santa Catarina, no mês de setembro.