O período de isolamento social para estudantes da educação infantil ao ensino médio não deve ser tratado como férias. O professor Mário Sérgio de Oliveira orienta que o momento em casa para pais e alunos deve ser aproveitado para a construção de novas atividades conjuntas desde que, por determinação do Governo do Rio Grande do Norte, as aulas foram suspensas, com base no decreto para o enfrentamento de emergência da saúde pública.

O educador explica que quatro itens que devem ser acompanhados pelas famílias para que os alunos consigam desempenhar algumas atividades, mesmo longe da sala de aula. “Ajude o seu filho a montar uma rotina diária de estudo; mantenham uma alimentação adequada; não esqueçam que a prática de exercícios é de fundamental importância e para isso será necessário adaptar alguns espaços dentro de casa; e o mais importante, o apoio emocional, principal fator para a boa convivência”, disse Mário Sérgio.

Ainda segundo o pedagogo, a situação de pandemia exigiu uma reformulação na educação mundial, sem restrição de público. “Em decorrência da COVID-19, as atividades educacionais precisaram ser reformuladas. Não podemos deixar ninguém para trás e precisamos dar continuidade ao processo de ensino e aprendizagem”. Ele cita duas formas para que os alunos possam continuar absorvendo aprendizado durante o isolamento social. “O primeiro modo é com a disponibilização de aulas gravadas e em tempo real; a segunda forma são os exercícios, jogos matemáticos, materiais complementares, dicas de leituras e acesso a biblioteca virtual” justificou o professor.

O educador reforça que o período não deve ser tratado como férias, mas apesar do momento de turbulência, os alunos devem aproveitar o momento para intensificar os laços familiares e manter a prevenção em casa. “Esse é um momento de reflexão. Aproveitem para estar mais juntos dos pais, se agreguem mais aos familiares e lembrem-se: não são férias. É um momento turbulento, mas com fé e determinação nós vamos conseguir ultrapassar esse momento de inquietude”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *